O Draft, a importância de Demps e protestos

Dia 27, a exatos 6 dias, ocorrerá o Draft 2013 da NBA, e como nós sabemos, o Pelicans tem alguns problemas e fraquezas que podem ser resolvidas ou amenizadas nessa noite.

Image

A equipe de New Orleans tem a 6ª escolha da noite, e poderá se deparar com algumas opções interessantes quando a hora de tomar uma decisão (ou pelo menos informá-la, espero que a decisão não seja tomada na hora, na base do cara ou coroa). Vou apresentar brevemente alguns dos jogadores que podemos considerar com nossa escolha, lembrando que as comparações se referem a quem tal jogador lembra, seja fisicamente ou no estilo de jogo, não o tipo de carreira que um prospecto terá. Entre parênteses a altura em pés seguida do peso em libras. Comentem suas opiniões!

Alex Len, C (7-1, 255)

Comparação : Zydrunas Ilgauskas

Pivô alto e móvel, nascido na Ucrânia, jogou num time de Maryland que ignorava o gigante no ataque. Ainda assim conseguiu proteger o garrafão com tocos e boa mobilidade, além de se aproveitar dos poucos toques que teve no ataque com ganchos e giros. Está fora dos workouts e da Summer League por conta de uma lesão no pé. Traz tamanho e uma opção de pontuador mais próximo à cesta (ainda que não seja tão fluido nos movimentos ofensivos, tem apenas 20 anos), liberando Davis para ser um PF na maioria da partida.

Saiba mais : http://www.draftexpress.com/profile/Alex-Len-6156/

Otto Porter, SF (6-8, 200)

Comparação: Tyshaun Prince

Jogador versátil, faz de tudo em quadra. Vem de um programa sólido em Georgetown, que foca muito no desenvolvimento das habilidades e do entendimento do jogo, mas não no atleticismo. Por isso, é um jogador muito inteligente e versátil, mas deixa a desejar no quesito atleticismo, limitando um pouco seu potencial. Ótimo defensor e reboteiro devido à seu entendimento do jogo e sua envergadura, precisa adicionar músculos se quiser continuar jogando de costas para a cesta (onde foi muito efetivo na universidade). Arremessador eficiente, apesar da mecânica estranha.

Saiba mais: http://www.draftexpress.com/profile/Otto-Porter-6528/

Victor Oladipo, SG (6-4, 213)

Comparação: Tony Allen

Atleta fora do comum, excelente marcador na bola, tem força e explosão para tirar do jogo qualquer PG ou SG. Incansável, não pára nunca de se movimentar, nunca é passivo, envergadura excelente. Melhorou muito seu arremesso, tornando-se uma opção mais frequente no ataque da universidade de Indiana, mas questões quanto à sua capacidade de manter médias impressionantes nos arremessos surgem naturalmente.

Saiba mais: http://www.draftexpress.com/profile/Victor-Oladipo-6514/

Trey Burke, PG (6-1, 187)

Comparação: Kemba Walker, Chris Paul

Líder nato, vencedor, com repertório avançado para um armador tão jovem, Burke impressionou a todos balanceando assistências e pontuação, cometendo poucos erros ao levar Michigan à final do campeonato universitário. Ótimo arremessador e passador, Burke enfrenta problemas na defesa por conta de sua falta de capacidade atlética, tornando sua vida um inferno quando um armador super atlético o ataca. Sua envergadura gigantesca o ajuda a roubar bolas, mas será isso suficiente?

Saiba mais: http://www.draftexpress.com/profile/Trey-Burke-36200/

Cody Zeller, C (7-0, 230)

Comparação: David Lee

O irmão mais novo de Tyler Zeller é também o mais talentoso. Muito atlético, e com um repertório ofensivo variado, o companheiro de Oladipo na universidade de Indiana foi o centro do ataque dos Hoosiers nessa temporada, e não correspondeu às expectativas, embora não tenha feito feio. Considerado potencial nº 1 na pré-temporada, Zeller não foi a máquina de doubles-doubles que se esperava, mas ainda sim teve números sólidos. Bateu recordes nas medidas físicas pré-draft e mostrou ter um arremesso de meia distância melhor do que se esperava, além de jogo de costas desenvolvido para um pivô tão jovem. resta saber se ele jogará mais efetivamente próximo à cesta, ou se ficará limitado a arremessos de meia distância e poucos rebotes.

saiba mais: http://www.draftexpress.com/profile/Cody-Zeller-6241/

Michael Carter-Williams, PG (6-6, 184)

Comparação: Shaun Livingston, Greivis Vasquez mais atlético

MCW impressionou jogando na defesa por zona de Syracuse, roubando bolas e recuperando rapidamente sua posição, ajudado muito em parte por seu atleticismo e altura. Ótima visão de jogo e controle de bola (chegou a liderar a NCAA em assistências por jogo), porém péssimo arremesso. Ele vai melhorar o arremesso? Ele pode reproduzir a ótima defesa fora do sistema por zona de Syracuse? Essas são as maiores perguntas que cercam o jovem e promissor armador.

Saiba mais: http://www.draftexpress.com/profile/Michael-Carter-Williams-6262/

Anthony Bennett, PF (6-7, 239)

Comparação: Larry Johnson

O canadense Bennett lembra em muitos aspectos nosso querido LJ: altura, porte físico e talento. Porém Bennett não parece muito disposto a se dedicar na defesa, o que assusta muitos times, além de possuir um histórico de lesões que incomoda muitos. O jogador da universidade de Nevada- Las Vegas dominou a NCAA ofensivamente, com um porte físico incrível, arremessos de qualquer canto da quadra e bons instintos para segurar rebotes. O talento é enorme, mas lesões e sua dedicação quanto à defesa e a forma física são grandes questões.

Saiba mais: http://www.draftexpress.com/profile/Anthony-Bennett-5866/

Essas são algumas das opções que o Pelicans provavelmente terá dia 27, deixei de fora nomes como Ben Mclemore e Nerlens Noel, pois não deverão estar disponíveis quando nossa vez de escolher chegar… a não ser que:

Troca

Considerado um dos Drafts mais fracos dos últimos tempos, Demps pode optar por trocar a escolha, e até incluir alguns jogadores do elenco atual se a recompensa for boa. Robin Lopez, Greivis Vasquez, Jason Smith são alguns dos nomes que podem ser envolvidos em uma possível negociação, e alvos como o jovem armador Eric Bledsoe podem estar no radar do nosso GM. Podemos descer alguns “degraus” no Draft, trocando com OKC, Minnesota, Utah ou Atlanta para trazer um veterano, mais escolhas ou atender os requisitos de outros times numa troca maior envolvendo 3 ou 4 times. Essa decisão será tão importante quanto as que Demps fizer no período de Free Agency. Salários de rookies são menores e dão a possibilidade de igualar ofertas quando seus primeiros contratos terminarem ( como fizemos com Eric Gordon), porém com um time tão jovem como o nosso, Monty Williams não deve gostar da ideia de adicionar mais jovens ainda, por isso, Demps é tão importante novamente. Sua decisão pode alavancar a franquia, ou atrasar o desenvolvimento de um time campeão por alguns anos. Sem pressão, mas você não pode errar amigão!

Para quem quiser saber mais sobre o Draft, aqui vão alguns links que podem (ou não) ajudar:

nbadraft.net

espn.go.com/nba/draft

nba.com/draft

jumperbrasil.com

bourbonstreetshots.com

Sobre as manifestações

Como todos sabem (ou deveriam saber), estão rolando manifestações pelo país todo, desencadeadas pelo aumento de 20 centavos das passagens de ônibus e metrô em São Paulo. O assunto ficou mais sério quando os brasileiros perceberam (eu incluso) que saindo às ruas e cobrando o que é nosso por direito, podemos REALMENTE mudar algumas coisas, que sabíamos que estavam erradas, mas por conformismo, vergonha ou simples preguiça, não fizemos nada até agora. O PEC 37 será votado no mesmo dia e horário da semi-final da Copa das Confederações, na qual a nossa ilustre seleção jogará. Ficarmos sentados assistindo enquanto uma página da história do nosso país está sendo escrita não é a atitude correta. Devemos apoiar de todas as maneiras possíveis esse movimento, seja compartilhando pela internet conteúdos referentes a isso, indo às ruas e conscientizando o maior número de pessoas possíveis a respeito do que pode e deve ser mudado no Brasil. Participe, manifeste, ouça e seja ouvido. Você é parte de tudo isso, assim como o cara ao seu lado.

http://www.youtube.com/watch?v=AIBYEXLGdSg&feature=c4-overview&list=UUam9BTzLasWCu_fo716tefA

Anúncios

Sobre rafahornets

The guy from my mirror. 23 anos bem vividos, fã do Hornets desde que me conheço por gente, quase engenheiro bioquímico, bom comedor, melhor bebedor. Brasileiro com orgulho. Ex jogador, ex técnico, metido a escrever e comentar sobre basquete.
Esse post foi publicado em Especiais e marcado , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s