RESUMO – TIMBERWOLVES 81 X 95 HORNETS

Com mais uma atuação excelente de todo o time, o Hornets respondeu em grande estilo às duas derrotas que havia sofrido para o Wolves: vitória com tranquilidade. O time agora se afirma na 5ª colocação, com 35 vitórias e 25 derrotas, e tenta abrir vantagem sobre Nuggets e Blazers. Destaques para as atuações de Trevor Ariza e Emeka Okafor, mitos na defesa mas que colaboraram em muito no ataque dessa vez.

– O Jogo:

A partida começou com a grata surpresa da volta de Emeka Okafor reforçando em muito o garrafão, afinal a batalha seria contra nada menos que Kevin Love. A perda de última hora foi David West, dispensado após uma morte na família. Em seu lugar, Monty colocou Jason Smith, deixando a nova aquisição, Carl Landry, para vir do banco. Porém, Smith começou jogando muito bem, do jeito que fazia no início da temporada, acertando 3 dos seus 4 primeiros arremessos. O Wolves contava com ótimas atuações de Wes Johnson e Love, mesmo assim o Hornets, reforçado dessa vez, parecia diferente das outras duas derrotas para o adversário. Paul, Green, Landry e Ariza jogavam muito bem, obrigando o técnico adversário a pedir tempo: 24 x 20. Mesmo com uma marcação boa do time da casa, CP3, Ariza e até mesmo Gray conseguiam acertar seus chutes. Assim, a diferença logo aumentou: 33 x 24. Na última jogada, Belinelli acertou um arremesso muito difícil, marcado por dois, e a vantagem voltou para 9: 35 x 26, fim de primeiro quarto.

No início do segundo período, Belinelli mostrava sua evolução vindo banco, acertando a maioria de seus arremessos. Landry fazia um bom trabalho defensivo, substituindo a função de Okafor, que teria seus minutos limitados. Johnson era a única peça que o Hornets não estava conseguindo parar, o rookie logo chegou aos 11 pontos no jogo. Jack era o ponto fraco do time, mas ainda assim, fazia seus pontinhos. Após alguns erros, o armador reserva finalmente “entrou” no jogo e, com uma roubada sensacional, abriu 11 pontos no marcador. O ataque do Wolves estava estagnado, só pontuavam a partir de alguns faltas bobas cometidas pelo Hornets. Até mesmo Love parecia desligado no jogo, mesmo com números bons. Okafor nem parecia que voltava de lesão, era toco atrás de toco, Beasley e Milicic sofriam. A diferença no placar se mantinha entre 11 e 15 pontos, apenas pelas faltas cavadas pelo Wolves. Na última posse, CP3 segurou demais a bola e não conseguiu pontuar: 55 x 43 para os visitantes. Destaque para os 15 pontos de Wesley Johnson, mantendo o Wolves vivo na partida.

Voltando dos vestiários, as duas equipes erravam demais, com apenas 2 pontos pra cada lado nos 3 primeiros minutos. Após isso, Love resolveu voltar para o jogo, e com 4 pontos seguidos e mais 2 de Ridnour, a desvantagem foi reduzida a 8. Entretanto, Ariza respondeu com uma de 3 na jogada seguinte. O Wolves tentava reagir, mas o Hornets era muito aplicado na marcação, Green forçou uma falta de ataque, e Ariza com um toco espetacular no Ridnour. Assim, os erros no ataque eram minimizados, inclusive a enterrada perdida por Okafor. A vantagem era administrada com segurança e experiência, Landry tomava conta do garrafão e, mesmo sem pontuar, praticamente anulava Kevin Love. Nos minutos finais, o time de New Orleans consolidou ainda mais sua superioridade, garantindo uma vantagem segura para o período final: 79 x 61.

Partindo com suas últimas forças para o último período, o Wolves logo tentou diminuir a diferença. Encontrando 2 cestas seguidas, Hayward reduziu para 15. No ataque seguinte, após Love pegar mais um rebote e alcançar seu 45º double-double da temporada, ele, desatento, comete o turnover por não passar o meio da quadra em 8 segundos. Assim, com dois FTs de Pondexter, a diferença voltou pra 17. O jogo continuava tranquilo para o Hornets, mas com uma bola de 3 faltando cerca de 5 minutos para o fim, o Wolves ia para sua última cartada: 86 x 71. Porém, como esperado, ela não deu certo. CP3 tratou de matar o jogo com outra bola de 3, voltando a vantagem para 16. Placar final: 95 x 81 para os visitantes e fim da freguesia.

– Destaques:

*Hornets:

-> Trevor Ariza: 18 pontos, 3 rebotes e 3 assistências;

-> Chris Paul: 17 pontos, 8 assistências, 6 rebotes e 1 TO

-> Jarrett Jack: 13 pontos e 4 roubos;

-> Emeka Okafor: 10 pontos, 7 rebotes, 2 roubos e 3 tocos;

*Timberwolves:

-> Wesley Johnson: 22 pontos;

-> Luke Ridnour: 22 pontos;

-> Kevin Love: 11 pontos, 14 rebotes, 5 assistências;

– Público: 16.965

– Próximo jogo do Hornets: domingo, 27/02/11, vs Rockets

Sobre Rafael Bittencourt

Gaúcho, 19 anos, estudante de Engenharia de Computação. Torcedor do Hornets desde 2007, atraído pelas atuações do MVPaul. Através de pesquisas e vídeos, tem David West como ídolo e como maior nome da história da franquia.
Esse post foi publicado em Resumo e marcado , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

5 respostas para RESUMO – TIMBERWOLVES 81 X 95 HORNETS

  1. Rodrigo Goulart disse:

    Meu primeiro comentário … Belissima vitória essa noite !

  2. Lucas Ottoni disse:

    Excelente texto, Rafa… realmente resumiu bem o q foi o jogo!

    Estou otimista com esse time… se repetirmos atuações como essa, poderemos ser a surpresa dos playoffs… e ainda tem o West pra voltar

    Kevin Love tem médias de mais de 20 ppg e 15 rpg… hj ele fez apenas 11 pts e 11 rebotes… conseguiu seu DD, mas atuou bem abaixo do habitual… e pq? pq Okafor e Landry (esse me surpreendeu na defesa) fizeram um trabalho defensivo magnífico… Landry pegou rebotes na cara do branquelo, marcou em cima e ainda deu toco… e o Okafor deu toco em todo mundo… rsrsrs… o Hornets deveria gravar esse jogo e lançar o DVD “AULA PRÁTICA DE COMO PARAR KEVIN LOVE – by Okafor and Landry”… acho q seria um sucesso de vendas… vários pivôs e PFs de outros times comprariam… rsrsrs… acho q foi essa defesa q nos fez vencer esse jogo acima de tudo

    Q venha o Rockets… GO HORNETS!!!

  3. Bruno Huth disse:

    bela vitoria!!

    agora é arrancar pros playoffs, meus guris!!

    go go go hornets!!

  4. augusto raffaell disse:

    Excelente vitoria…

    Ficou ainda melhor com a volta do Emeka e a boa estreia do Landry.

    Este time me deixou muito animado com essa atuaçao bem tranquila, e nao estavamos com o nosso principal pontuador.

    Esse time jogando assim e com a volta do West, sera osso duro de roer.

    GO Hornets GO

  5. Rafao disse:

    galera, to falando… landry eh foda… nos vamos ter muitas alegrias ainda com ele…

    e digo mais, FINALMENTE TEMOS ALGUEM PRA PARAR PFs COMO LAMAR ODOM E KEVIN LOVE, JOGADORES QUE SAO PIVOS MAS SAEM MUITO DO GARRAFAO… VCS VIRAM ONTEM!!

    GO HORNETS!!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s