RESUMO – SUNS 104 X 102 HORNETS

Em mais uma partida com erros defensivos, fragilidade no ataque e Marco Belinelli, o Hornets perdeu o seu segundo jogo consecutivo dessa vez para o Phoenix Suns, por 104 x 102. A disputa no US Airways Center foi de grandes reviravoltas: os dois times apresentam uma liderença de 10 pontos em determinado momento, lesão de Okafor, marcações discutíveis da arbitragem, Suns com 9 bolas de 3 e, principalmente, decisões questionáveis do técnico de New Orleans, Monty Williams. O Hornets agora, com uma campanha de 31 vitórias e 18 derrotas, volta para seus domínios e encara o Washington Wizards na noite desta terça-feira.
———————————————————————————————————
O jogo
—————————————————————————————————————-
Em um primeiro quarto idêntico ao do jogo contra o Kings, o Hornets apresentava as frequentes dificuldades de pontuar e a defesa não dava conta de parar o ataque adversário. O garrafão composto por Frye e Lopez dominava West e Okafor, que conseguiam pegar rebotes ofensivos, mas nem assim pontuar. Porém, diferente do Kings, a “magia” do Suns se quebrou em certo momento, errando vários arremessos seguidos, o que deu ao time de New Orleans a oportunidade de empatar o marcador e, depois, sair perdendo por apenas 2 pontos. Vince Carter se destacava no jogo, afinal mostrava sua habilidade em pontuar e o SG adversário não aproveitava seus defeitos defensivos. Esse SG conseguiu ir para os vestiários tendo convertido apenas 2 pontos na partida, mesmo tendo um match up contra isso.
——————————————————————————————
Com o início de segundo quarto, a beefense resolveu aparecer, nada mais dava certo ao Phoenix, e o Hornets conseguiu abrir 10 pontos de vantagem. Entretanto, ainda ocorria turnovers bobos e desperdícios no ataque, o que mantinha o Suns vivo no jogo. Assim, faltando 4 minutos para o intervalo, o Hornets foi castigado. Primeiro, foram as bolas de 3 adversárias que começaram a cair – foram 4 consecutivas – tirando toda a diferença no placar e ainda botando uma vantagem de 3 pontos para o time do Arizona. Segundo, algo determinante para o jogo, numa tentativa de bandeja, Emeka Okafor recebe uma joelhada nas costas do pivô polonês, Marcin Gortat, e não volta mais ao jogo. Com 5 segundos no relógio e 3 pontos atrás, o astro Chris Paul consegue uma jogada mágica: falta e cesta numa belíssima infiltração, levando o jogo empatado para os vestiários. Promessa de emoção no terceiro quarto.
—————————————————————————————–
Com ótimas atuações, Paul, Green e Ariza conseguiam nos manter no jogo, compensando as dificuldades de David West e a nulidade de Belinelli. Além disso, o pivô australiano David Andersen conseguia, de certo modo, suprir a ausência de Okafor, acertando alguns jumpshots importantes. Contudo, aí que entra as falhas de nosso treinador. Usando uma formação absurda: Paul, Jack, Pondexter, Ariza e Jason Smith, Gortat dominou o garrafão, conseguindo acertar 9 arremessos e 7 lances-livres seguidos. O Hornets era destruído e, mesmo quando Green ou Ariza faziam algo no ataque, o Suns respondia logo com uma bola de 3. No entanto, a diferença ficou em 8 pontos apenas e o Hornets voltaria para o último período para incomodar.

O Hornets lutava para empatar, porém, Jack insistia em cometer erro atrás de erro, com suas infiltrações ridículas. Assim, com Gortat dominando o jogo, logo a diferença foi para dois digítos e o ginásio vibrava com as atuações de seus jogadores, mal sabiam eles o que os esperava. Faltando 2 minutos para o término da partida, a desvantagem era de 12 pontos e o jogo já parecia perdido. Não para Chris Paul e Trevor Ariza. Jogando praticamente sozinhos e com algumas cestas importantes de West, a diferença caía. Mesmo assim, Thornton resolveu jogar as chances de reação fora, assim como na noite anterior. Errando um FT decisivo e, no ataque seguinte, forçando um arremesso, a diferença foi para 8 pontos com 30 segundos no relógio, impossível. Não para Chris Paul e Trevor Ariza. Com uma difícil bola de 3, Paul reduziu para 5. Logo em seguida, numa roubada espetacular, Ariza passa para Paul, que cava mais 3 FTs. Paul acerta os 3 e a desvantagem agora, faltando 12 segundos, era de apenas 2 pontos. Suns ainda tinha a reposição lateral, mas com uma marcação espetacular, o Hornets força o turnover de Carter, garantindo 10 segundos para tentar o empate. Após a saída lateral, West consegue um belo passe para Thornton, deixando-o livre para a bendeja, porém toma um toco ilegal e a arbitragem não marca nada, mesmo assim, Ariza pega o rebote e passava para Paul, que novamente cava uma falta para 3 lances, mas dessa vez a arbitragem não marca e resolve ignorar o Hornets novamente.
———————————————————————————————————————–
Frustrados com as decisões dos juízes, Paul e West declaram no Twitter sua raiva:
———————————————————————————————
– @oneandonlycp3: #NoComment, #NoComment, #NoComment, …
– @29DWest: ROBBED!!!
————————————————————————————————-
– Destaques:

*Hornets:

– Chris Paul -> 7-14, 26 pts, 12 ast, 0 TO;
————————————————–
– Trevor Ariza -> 7-15, 16 pts, 7 rebs, 2 stl;
————————————————–
– David West -> 8-17, 17 pts, 7 rebs;
—————————————————
*Suns:
—————————————————
– Marcin Gortat -> 9-10, 25 pts, 11 reb;
——————————————–
– Steve Nash -> 3-9, 10 pts, 15 ast;
——————————————-
– Grant Hill -> 7-10, 16 pts;
——————————————-
Público: 17,921
——————————————-
Próximo jogo do Hornets: terça-feira, 01/02/11, vs Wizards
Anúncios

Sobre Rafael Bittencourt

Gaúcho, 19 anos, estudante de Engenharia de Computação. Torcedor do Hornets desde 2007, atraído pelas atuações do MVPaul. Através de pesquisas e vídeos, tem David West como ídolo e como maior nome da história da franquia.
Esse post foi publicado em Resumo e marcado , , , , , , , . Guardar link permanente.

5 respostas para RESUMO – SUNS 104 X 102 HORNETS

  1. Lucas disse:

    ROBBED!!!

  2. M. Hornet disse:

    perder assim é brabo.. mas nosso time é bom.. daremos a volta por cima!!

  3. Pingback: OKAFOR É DESFALQUE CONTRA O WIZARDS | NOHORNETSBRASIL

  4. Pingback: PRÉ-JOGO – HORNETS VS WIZARDS | NOHORNETSBRASIL

  5. Pingback: PRÉ-JOGO – HORNETS @ SUNS | NOHORNETSBRASIL

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s