DEFENDENDO A INJUSTIÇA

  Marco Belinelli #8 Of The New Orleans Hornets Shoots

Belinelli batendo os calcanhares e arremessando ao mesmo tempo.

Você leu o título, viu a foto do Belinelli e, provavelmente, deve estar com vontade de jogar uma pedra, talvez uma bigorna, na minha cabeça. Antes disso, peço só que você respire e leia o seguinte: Marcus Thornton e Willie Green são melhores que o italiano, e ambos merecem ter mais minutos que o narigudo. Uma vez escrito isso, talvez já seja o suficiente para soltar a pedra, senão, eis mais um motivo:  sou a favor de envolvê-lo em uma troca por um SG de mais qualidade, o amigo Rafa da comunidade do Orkut sugeriu o Rip Hamilton, do Pistons, e eu sou totalmente a favor.

Com todos mais calmos depois das duas afirmações anteriores em negrito, vou dizer qual é a injustiça que eu defendo: Belinelli como titular. Você voltou a olhar para a pedra. E eu digo: “Calma!!! Leia novamente a parte em negrito”. Aí você se acalma, e eu explico o porquê.

O motivo pelo qual defendo o italiano é, provavelmente, o mesmo pelo qual você deve defender que ele mofe no banco: o Green é melhor, e o Marcus Thornton é muito melhor. Como assim? Simples, com Marcus em quadra ao lado de Green e Jack, o perímetro não perde tanta qualidade, isto é, não existe o abismo técnico entre titulares e reservas. Tenho reparado que o banco de reservas não tem comprometido o time como em outros tempos, aliás, em alguns casos a diferença de pontos dos nossos reservas para os reservas adversários é positiva por uma margem de seis ou sete pontos – é chute isso – mas estou correndo atrás de estatísticas comprobatórias. Se os amigos conseguirem dados, favor colaborar.

  Marcus Thornton #5 Of The New Orleans Hornets Lays

Marcus Thornton é uma boa opção para o banco de reservas

Em suma, o Marcus e o Green possuem mais recursos ofensivos e, portanto, o time precisa deles para que os reservas rendam no início do segundo quarto e do quarto período. Enquanto Chris Paul e David West estão em quadra, podemos alocar a qualidade dos SGs em momentos que o time precisa mesmo dele.

Mas (e tem sempre um mas)… Olha a pedra! Bom, gostaria de apresentar alguns números para vocês. Os números por si só não devem ser levados ao pé da letra, ou melhor, na sua enésima casa decimal, porém  nos ajuda a pensar algumas coisas e eliminar alguns mitos. Vejam a comparação do nosso narigudo com outros SGs do time, atual e no passado recente:

Belinelli tem 41,5% em arremessos, Marcus tem 41%. O mito que o Marcus é um exímio arremessador cai por terra. Na linha de três: 38,5% contra 36% pro narigudo, e o Green faz só 31%. A conclusão é que o Marcus, apesar de seus recursos ofensivos, para produzir bem precisa muito da bola e, por isso, acaba resultando em jogadas e arremessos terrivelmente selecionados. A fábrica de turnovers é liderada por 1.3 pelo narigão. E eu achava e tinha a impressão que era mais.

O Rasual Butler tinha 43% de FG, com 39% na linha de três. Morris Peterson 41,5%, com 39% de três. Devin Brown tinha 42% de FG, com 36% na linha de três e, por fim, Desmond Mason com 40% e ridículos 17% de aproveitamento. Conclusão: se considerarmos exclusivamente a eficiência dos chutes, o Belinelli não está abaixo dos outros SGs, inclusive do MT5, nessa temporada. Você me pergunta a qualidade do Belinelli na defesa, e eu respondo com outra pergunta: Além do Butler, dos mencionados acima, algum deles foi um bom marcador? Na minha opinião NÃO e todos têm uma defesa que se equivale mais ou menos a do italiano. Obviamente, o basquete é muito mais do que isso, mas como estamos falando em um Shooting Guard, nada mais justo que analisar o shooting.

Mas pera lá… segura a pedra. Leia o negrito no início. O time com SGs medíocres foi sobrevivendo ano após ano, e uma mudança nessa posição se faz necessária. Leia o segundo negrito.

Anúncios

Sobre Jardel Barros

Paulista, 24 anos de idade, formado em Administração de Empresas e mestre em Gestão Esportiva, em Portugal, acompanha a NBA e o Hornets desde 1997. Seu jogador preferido é Glen Rice, mas é um grande apreciador de Baron Davis, Mashburn, David West, Chris Paul, Alonzo Morning, Larry Johnson e outros grandes jogadores do Hornets.
Esse post foi publicado em Análises e marcado , , , , . Guardar link permanente.

6 respostas para DEFENDENDO A INJUSTIÇA

  1. Lucas Ottoni disse:

    Muito bom o texto, Jardel. Eu acho o Belinelli um jogador para compor. Ele está quebrando um galho como titular. Mas o Monty sabe das limitações do italiano. E o Thornton, eu até prefiro ele vindo do banco mesmo.

    O problema é que o Belinelli vem jogando muito, mas muito mal. E isso não tem número que o defenda. Thornton e Green têm passado mais confiança.

    Sobre o Rip Hamilton, eu sou contra a contratação dele. Gastar nossos expirantes para trazer um jogador veterano e que não tem mostrado muita coisa nos últimos tempos é arriscado demais. Principalmente, pq cedemos algumas escolhas recentes nos próximos drafts. Precisamos dar o tiro certo. Mas isso é questão de opinião mesmo.

    E o Jarrett Jack é outro que me preocupa. Os últimos jogos dele tbm foram terríveis.

    De qualquer maneira, ótimo texto mesmo. Eu não tenho raiva do italiano, apenas acho que ele não tem basquete suficiente para jogar no Hornets, ainda mais de titular. Mas isso é, novamente, uma questão de opinião. E só. rs

  2. Se o belinelli sair, não vai fazer falta nenhuma. Podemos nos virar com green de titular e thornton vindo do banco. O grande problema é conseguir uma troca pra ele. Se der pra envolver o Jack pode ir também, cada vez com atuações mais ridículas. O jogo contra o Suns foi a gota d’água.

  3. Bruno Huth disse:

    texto otimo, jardel

    eu acho q o belinelli nao é isso tudo.. mais ele tbm nao é esse horror todo.. ele veio quase de graça.. pelo julian wright,, hehehe.. o guri ta jogando mal.. ele pode fazer melhor

    mas eu prefiro o mt5 e tbm o green

  4. Lucas Ottoni disse:

    Acho q o Belinelli + expirantes por um bom SG é o q precisamos.

    Meu nome favorito continua sendo o Kevin Martin. Ele é scorer (justamente o q o Hornets necessita!) e não é tão fora da realidade. De repente, um pacote interessante com alguns expirantes + Belinelli (ou Green) + picks pode seduzir o Rockets. Tentar não custa.

  5. Kaio disse:

    Bom texto Jardel, concordo com praticamente td

    Tbm nao axo o Belinelli a pior cosa do mundo, ainda mais pra quem teve Devin Brown, Mo Pete e por ae vai…. axo q ele como terceiro SG ate q ia bem… e como o Lucas disse, eu tbm prefiro o MT5 voindo do banco

    Qt ao SG titular, podemos dar Beli, Jack, Green, Bancks, Andersen, e mais as TE q temos, ou seja, tem mt coisa interessante…

    O problema é alguem querer expirantes né

    Quem quer é o Detroit… por isso q eu eo Rafa falamos do Rip, eu axo q ele seria uma boa sim, paesar da idade, ele é mt bom jogador… e outra coisa mais importante, experiencia em Offs e finais, e anéis, e isso na hora do vamo v conta mt sim…

    Mas tbm preferia um Kevin Martin da vida, mas é mt dificil, o Rip eu axo q ja levaria nosso time a outro nvel… sei la

  6. Augusto Raffaell disse:

    O SG que precisamos é o Iggy, cairia como uma luva nesse time.

    Belineli é muito ruim cara, MT so nao tem melhor aproveitamento que ele por nao jogar, e quem joga basquete, sabe que a repetiçao de partidas é fundamental no melhor desenvolvimento de arremessos.

    Belineli tem que ser usado como moeda de troca, e tem que acontecer logo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s